MARGS oferta: Curso online e gratuito sobre representatividade, miscigenação e branquitude

A Secretaria de Estado da Cultura do RS — Sedac, por meio do Museu de Arte do Rio Grande do Sul — MARGS, anuncia a 2ª edição do Grupo de Estudos sobre representatividade, miscigenação e branquitude, que integra o Programa Público da exposição “Presença Negra no MARGS”.


Com proposição e coordenação da professora e pesquisadora Carmen Capra (UERGS), o Grupo de Estudos tem como objetivo geral reunir pessoas interessadas em pensar os efeitos produzidos pela norma identitária branca, tendo como contextos principais as artes e a educação.


Nesta nova edição, serão 5 encontros virtuais, com periodicidade mensal (20.07, 17.08, 21.09, 19.10 e 16.11.2022), sempre às quartas-feiras, das 10h às 11h45. As inscrições, que são gratuitas e limitadas, começam neste sábado, 25.06.2022, e devem ser feitas por meio de formulário no LINK .


Esta é a segunda edição do Grupo de Estudos, que em 2021 reuniu participantes de diferentes Estados, como Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, Piauí e Distrito Federal. A ação ocorre por meio do convênio MARGS-UERGS, ativo desde 2012 com o objetivo de pensar a relação entre arte e educação. E integra o Programa Público “Presença Negra no MARGS”, um amplo e extenso programa institucional que propõe o debate e a reflexão sobre a presença e representatividade de artistas negros e negras no Acervo do Museu e no sistema da arte.

Fonte e texto: MARGS

Read Previous

Lançamento da série: história bairro Vila Formosa com a autora Betania Libanio no Arquivo Histórico

Read Next

MAM (SP) convida: Oficina interativa de contação de História com música (grátis)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.