Debates sobre “Modernismo, Arte e Cultura popular no Brasil” no Museu do Pontal

Museu do Pontal realiza em sua nova sede, na Barra da Tijuca, o seminário “Modernismos, arte e cultura popular”, com dois encontros: o primeiro em 21 de maio e o segundo em 11 de junho. As relações entre modernismos e cultura popular brasileira permearão as discussões.

O evento busca rever, pensar e entender melhor as conexões que podem ser feitas a partir de um Museu de arte popular em meio às comemorações dos 100 anos da Semana de Arte Moderna (1922-2022).

“O ato de comemorar implica não só lembrar e memorar algum evento, como também uma oportunidade para repensarmos seus significados, limites e transformações”, afirma Angela Mascelani, diretora do Museu do Pontal junto com Lucas Van de Beuque.

Entre os convidados estão os historiadores Martha Abreu, Durval Muniz de Albuquerque JúniorJuliana PereiraLurian R. S. Lima; o sociólogo André Botelho, a cientista política Angela de Castro Gomes; os antropólogos Maria Laura Cavalcanti e Vinicius Natal; os curadores e ensaístas Clarissa Diniz Frederico Coelho, e a historiadora da arte Renata Bittencourt.

Alguns temas a serem debatidos são as narrativas dos intelectuais e artistas considerados modernistas em torno da cultura popular; e música popular e modernidade negra.

Os ingressos para os debates são gratuitos ou contribuição voluntária, e poderão ser adquiridos previamente pela plataforma Sympla – no LINK

Haverá certificado de participação.

MODERNISMOS, ARTE E CULTURA POPULAR – PROGRAMAÇÃO

·         21 de maio de 2022, sábado

10h – Abertura – Lucas Van de Beuque, Angela Mascelani e Martha Abreu

10h30 às 12h – Disputas de memória: por que debater a Semana de Arte Moderna de 1922?

Durval Albuquerque Junior e Angela Castro Gomes 

Mediação: Juliana Pereira

14h às 15h30 – Qual o papel da cultura popular e de seus agentes nos rumos do modernismo?

Maria Laura Cavalcanti e Martha Abreu

Fonte, texto e Foto: Museu do Pontal

Read Previous

Jovem Aprendiz- Fábrica de Cultura

Read Next

Monitor – Fábrica de Cultura

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.