ArabicBengaliChinese (Simplified)EnglishFrenchHindiPortugueseRussianSpanishUrdu

Casa das Rosas abre exposição “Coestelário”

Estela de Aldir Blanc

A Casa das Rosas inaugurou a exposição “Coestelário” dos artistas Guilherme Gontijo Flores e Daniel Kondo e curadoria de Luiz Gustavo Carvalho. Com apoio da Companhia das Letras e da Artmosphère, a exposição reúne  70 estelas do poeta Guilherme Gontijo Flores e do ilustrador Daniel Kondo. A união dos artistas resultou em ilustrações inspiradas em estelas, uma tradição artística em túmulos desde a Grécia antiga, com versos em homenagem a “algumas das grandes perdas de 2020”, como Aldir Blanc, Moraes Moreira, Olga Savary, Zuza Homem de Melo, Quino, Chica Xavier e Maria Alice Vergueiro.

Guilherme Gontijo Flores e Daniel Kondo tinham expectativa de que a Secretaria da Cultura realizasse alguma homenagem a essas pessoas, porém como não foi realizada, os artistas idealizaram o “Coestelário”, que relembra a memória dessas pessoas de forma sensível e artística. O projeto já acontece por meio das redes sociais e agora estará disponível presencialmente na Casa das Rosas. Os artistas afirmam que “Coestelário apresenta túmulos em poesia visual, ao modo das antigas estelas funerárias, que a um só tempo davam voz e imagem à pessoa querida e partida.”

“Poeta e tradutor, Guilherme é professor de latim na Universidade Federal do Paraná (UFPR); em 2013, foi finalista do Portugal Telecom com seus poemas, e recebeu os prêmios Jabuti e APCA de tradução em 2014. Daniel Kondo é ilustrador, tendo sido finalista do Prêmio Jabuti na categoria ilustração com os livros Minhas Contas e Surfando na Marquise, e atualmente é responsável pela coluna Últimas Palavras do jornal O Estado de S. Paulo. Em 2020, ambos se uniram para homenagear com seu trabalho as vidas perdidas durante o período da pandemia.”

Estela de Olga Savary

Horário: Quarta-feira a sábado, das 12h às 16h

Local: Casa das Rosas – Av. Paulista, 37 – Bela Vista

Para saber mais, acesse o link: http://www.casadasrosas.org.br/exposicoes/coestelrio

Lara mazeto

Read Previous

Exposição de arte brasileira “1981/2021” no CCBB-RJ

Read Next

Conheça o Projeto “Click Museus” e suas ações

One Comment

Deixe uma resposta