Exposição ‘Da Humanidade: 100 artistas do acervo’ no Museu da FAAP

O Museu de Arte Brasileira da FAAP realiza a exposição Da Humanidade: 100 artistas do acervo, até o dia 4 de julho de 2021. A mostra marca a centésima curadoria realizada com obras do acervo da instituição, em São Paulo.

A ideia partiu dos pensamentos da filósofa Hannah Arendt no livro “A Condição Humana”, de 1958, no qual a autora faz uma análise sobre o que é específico e genérico do ser humano. A partir de alguns conceitos da publicação, foram selecionadas obras que propõem uma reflexão sobre a vida em sociedade e os trabalhos dos artistas. Dividida em 10 núcleos: identidade, infância, arte, habitat, urbe, labor, ócio, sagrado, cultura e agruras, a exposição também conta com estratégias interativas. 

Além disso, o setor educativo do museu atua com propostas de diversas oficinas desde o início da mostra, incluindo conversas com artistas e pesquisadores abertas ao público em geral. Normalmente, o museu funciona de segunda a sexta-feira, das 10h às 19h – última entrada às 18h, aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h – última entrada às 17h, sem abrir nas terças-feiras. No entanto, as atividades presenciais na instituição estão suspensas, com retorno previsto para o dia 5 de abril, prazo que poderá ser estendido, de acordo com as determinações do governo e autoridades sanitárias.

O quê: Exposição Da Humanidade: 100 artistas do acervo

Onde: Museu de Arte Brasileira da FAAP

Quando: Exposição de longa duração – Até 4 de julho de 2021

Quanto: visita gratuita, ver horários para agendamento pelo site

Saiba mais: http://www.faap.br/exposicoes/dahumanidade/

Imagem: Museu da FAAP.

Rittieli Quaiatto

Read Previous

Historiadora lança e-book sobre mulheres modernistas

Read Next

Conheça 18 museus alcoólicos ao redor do mundo

Deixe uma resposta