Cemitério medieval da elite merovíngia na Alemanha

Em dezembro de 2021, o Escritório Estadual de Preservação de Monumentos de Baden-Wuerttemberg fez um anúncio interessante. Pesquisadores encontraram um cavalo decapitado ao lado do esqueleto de um guerreiro merovíngio, além de jóias e armas. Outras 109 sepulturas medievais da elite merovíngia estavam no mesmo antigo cemitério na cidade de Knittlingen, na Alemanha.

Esqueleto de cavalo decepado. Fonte: Revista Galileu.

Cientistas encontraram o local em 1920 durante a construção de uma ferrovia – que nunca se concluiu. Cerca de seis décadas mais tarde, em projeto para transformar a área em bairro residencial, mais túmulos foram encontrados. Desde então, pesquisadores vem estudando o cemitério e seus túmulos. A maioria deles está em fileiras, mas alguns poucos estão em valas circulares.

As câmaras portuárias de madeira do cemitério vão desde as mais trabalhadas, até as mais simples. No entanto, uma característica comum é o traje tradicional e os adereços. Entre eles, destacam-se colares de pérolas, brincos, braceletes, cintos e objetos como facas e pentes.

Broche de disco de ouro do século VII. Fonte: Revista Galileu

Na mesma cidade, também já encontraram túmulos da segunda metade do século VI. Além disso, pesquisadores descobriram um broche de ouro que foi escavado no túmulo de uma mulher, item que faz parte da moda do século VII. E, por fim, fragmentos de cerâmica que estima-se ser da época do período neolítico, por volta de 5 mil a 4,5 mil a.C.

Uma nova escavação no cemitério está programada para 2022, então provavelmente novas descobertas estão por vir!

Read Previous

Quem foi o inventor e físico Nikola Tesla?

Read Next

Movimentos na Semana de 22 – Quem estava lá?

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.