Coletivo Akangatu: Projeto “Click Museus”

O projeto Click Museus foi criado pelo Coletivo Akangatu, que significa memória em Tupi Guarani. Composto por pessoas voluntárias de diversas regiões do Brasil, como Recife, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná e São Paulo, o projeto está presente nas redes sociais desde 2018, como no Facebook, Instagram, Linkedin, Youtube, Pinterest e Tik tok, com uma produção de matérias, textos informativos, divulgações e vários outros conteúdos sobre museus, arte, educação e cultura.

O principal objetivo é aproximar o público dos museus, democratizando o acesso das instituições culturais. Para isso, optamos por dialogar com o público de uma forma divertida, leve e sem termos técnicos, inserindo o museu no cotidiano das pessoas. Uma vez que acreditamos que os museus também podem ser espaços de lazer, o projeto desenvolve diversas ações com essa proposta.

AÇÕES

Você faz a arte: O Click Museus divulga gratuitamente através de matérias e posts o trabalho de vários artistas, proporcionando um espaço de difusão e trocas. Para divulgar o seu trabalho, envie um e-mail com as fotos e um texto sobre sua obra para: arte.clickmuseus@gmail.com

Banco de aulas: A proposta é viabilizar planos de aulas prontos com temática de museus. Pensados por colaboradores, buscamos auxiliar professores, profissionais da educação ou pessoas interessadas nos temas, que podem facilmente acessar o banco de aulas, e utilizá-lo em diferentes atividades.

Sua foto no museu: O público é convidado a enviar suas fotos em museus e exposições que visitaram, e divulgamos em nossa página do Instagram. Gerando maior interação entre nossos leitores e o projeto Click Museus.

Drive público de museus: O drive está disponível para todo o público com textos de diversas áreas, como arquitetura, museologia, curadoria. Além disso, foi pensado para permitir que o público também possa adicionar arquivos na pasta. Para acessar o drive, o login é drive.clickmuseus@gmail.com e a senha é Click@2021

Palhaços no museu: Com o intuito de aproximar as pessoas das instituições culturais, Essa ação acontece em nosso canal do youtube, e surgiu com a ideia de quebrar qualquer formalidade e criar uma ponte com o público.

Pílulas museológicas: A fim de facilitar o acesso do público ao estudo da museologia, convidamos profissionais da área e professores universitários, para abordarem em pequenos vídeos de 3 minutos, conceitos museológicos de forma didática e prática.

Lives: Aos sábados, realizamos lives com nossos museus parceiros e convidados da área, onde abordamos diferentes temáticas como curadoria, gestão de acervos, pesquisas e programas educativos.

Crédito: Pixabay

PRÊMIOS E PARCEIROS

A partir da credibilidade que o projeto adquiriu em mais de 2 anos de atuação, o Click Museus realizou mais de 10 parcerias: Museu do Diamante, Museu da Fotografia de Fortaleza, Museu do Escravo, Museu das Culturas Dom Bosco, Museu Casa de Quinca Moreira, Museu Casa Guimarães Rosa, Museu da Pessoa, Museu Municipal de Jaú, Museu do Seridó, Pinacoteca do Fórum das Artes, Museu da Imagem e do Som de Goiás, Museu de Antropologia do Vale da Paraíba, Casa Fiat de Cultura, Seremus (Centro Acadêmico de Museologia da Universidade Federal de Santa Catarina). Além da parceria de outros coletivos que pensam sobre a cultura, como o “Jardim de Vivências” (Podcast sobre museus), o “MyClap”, uma nova rede social sobre cultura e educação, “Mulheres viajantes” e “Grande Produções”, que surgiu nas regiões periféricas de São Paulo com o objetivo de divulgar livros e promover mais acesso à cultura.

Imagem com alguns dos parceiros do Click Museus

Além das parcerias, o coletivo já foi convidado para participar de entrevistas, lives e encontros. Em 2019, o coletivo auxiliou o Jornal o São Paulo, disponibilizando dados e pesquisas sobre os 142 museus presentes na cidade de São Paulo. Em 2021, a rádio Mediarte do Uruguai convidou o projeto para uma conversa sobre democratização de acessos aos equipamentos de cultura e educação.

O projeto Click Museus foi premiado em 2016 pelo Edital “Valorização de Iniciativas Culturais” da Prefeitura de São Paulo com a ação “Ocupação Cultural”, que ministrou cursos livres de introdução ao universo da museologia e mercado de arte, gerando emprego e capacitação para residentes das ocupações urbanas. Em 2018, através do Edital “Mediação e Educação em Museus” pelo Museu da Imagem e do Som (MIS), o projeto recebeu o prêmio por abordar o patrimônio de forma transversal e divulgar informações de acesso aos 132 museus da cidade de São Paulo e outros locais, além de disseminar a ideia de que museus são espaços de lazer e entretenimento, não apenas de educação. O coletivo Akangatu também já participou com oficinas da “Jornada do Patrimônio”, que realização ações de educação patrimonial pela cidade de São Paulo.

O site Click Museus possui mais de 250 mil acessos mensais, além do engajamento nas redes sociais. O Instituto Demócrito Rocha considerou o Click Museus como um influencer digital em Patrimônio e Museologia. No curso de Gestão Cultural do Senac, o nosso site é indicado como referência para vagas de emprego e editais de Arte e Cultura. A Ação da Cidadania, fundada em 1933 pelo sociólogo Herbert de Souza, declarou o projeto como parceiro no auxilio da escrita de projetos culturais e divulgação de oficinas na esfera virtual. A Biblioteca Municipal Alvares de Azevedo reconhece o projeto como parceiro pela atuação em atividades conjuntas nas atividades de exposições, divulgações e oficinas.

O projeto está sempre em busca de novas parcerias, crescimento e visa contribuir com a cultura museológica, aproximando o público das instituições. No portfólio do projeto, é possível encontrar todas as ações e parcerias.

EQUIPE

Cícera Luziana de Morais

Cícera Luziana de Morais, graduada em História pela Universidade Regional do Cariri-URCA, está finalizando a especialização em História e Cultura-afro brasileira pela FAVENI e é pós-graduanda em Direito Administrativo e Gestão Pública pela URCA. É professora na rede municipal de ensino em Serrita PE, desenvolve pesquisas sobre: a cultura dos Vaqueiros e sobre Gênero. Escreve para o site do Click Museus.

Museu preferido: Casa Grande (Nova Olinda)

Esther França

Esther França, graduanda em Geografia pelo Instituto Federal de São Paulo-IFSP, ariana e apaixonada por teatro, atuou por 3 anos no Grupo os Ninguém, atua no setor de audiovisual do Click Museus. 

Museu Preferido: Catavento (São Paulo)

Giovana Santos

Giovana Santos é técnica em processos gráficos através da escola SENAI SP e agora nesse final de semestre irá terminar o tecnólogo em design gráfico por meio da FMU. É estagiária de comunicação social no INSS SP. No Click Museus, faz posts para redes sociais, atuando como Social Media.

Museu preferido: Pinacoteca do estado de SP (São Paulo)

Juliana Rangel

Juliana Rangel é graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP, atuou como educadora na Caixa Cultural, Centro Cultural do Banco do Brasil, Banco Safra, Museu do Jaçanã e atualmente é Educadora Patrimonial no Museu da Cidade de São Paulo. É autora do Projeto Click Museus e auxilia em todas as esferas do projeto. 

Museu preferido: Museu do Ipiranga (São Paulo)

Lara Mazeto Guarreschi

Lara Mazeto Guarreschi é graduada em Artes Visuais (Licenciatura) na Unesp e está finalizando especialização em Museologia, Colecionismo e Curadoria na Belas Artes. Foi estagiária do Acervo de Artes Visuais da Unesp e ministrou oficinas de mediação cultural. No projeto Click Museus, atua escrevendo sobre artes e museus para o site.

Museu preferido: Museu Freud (Londres)

Nathalia Weber Casarin

Nathalia Weber Casarin é graduada em Tecnologia em Produção Cênica pela UFPR e está cursando Gestão de Marketing em Mídias Digitais pela PUCPR. Fez estágio em mediação, participando do Núcleo Educativo do Museu de Arte da UFPR. No Click Museus, cria conteúdo para Instagram e Pinterest, além de escrever matérias para o site.

Museu preferido: Museu de Arte da UFPR (Curitiba)

Otávio Rangel

(In memoriam) Otávio Rangel, graduado em Filosofia(2011)  e Ciência Sociais (2021) pela Universidade Federal de São Paulo, pós-graduado em Gestão Cultural pelo SESC, fundador e coordenador do  grupo: “Os Ninguéns”. Sua  primeira experiência com audiovisual foi em Santa Catarina em uma oficina de Capacitação em Tecnologia Digital em Vídeo/ Jornalismo / Câmera / Edição / Produção pela Tv Floripa e Ponto de Cultural em 2013 que resultou no seu primeiro curta metragem: “o que fica?” No coletivo Akangatu atuou como produtor, pesquisador, roteirista e diretor do audiovisual, desenvolveu duas ações: “Pílulas Museológicas”, que consiste em vídeos curtos que tem como função tornar didático conceitos museológicos, e dirigiu a ação “Palhaços no museu”, ambas presentes nas redes sociais do coletivo.

Museu Preferido: MASP (São Paulo)

Renata Rodrigues

Renata Rodrigues é bacharel em História da Arte pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e cursa especialização em Arte-Educação pelo Centro Universitário Senac. Possui formação em curadoria e mediação expositiva já tendo atuado em diversos Museus e Centros culturais. Faz parte do Coletivo Akangatu e escreve para o site do Click Museus desde Outubro de 2020.

Museu preferido: Museu Guimet (Paris)

Rittieli Quaiatto

Rittieli Quaiatto é doutoranda em Artes Visuais pelo PPGAV/UFRGS. Mestre em Artes Visuais pelo PPGART/UFSM. Especialista em Design de Superfície pela UFSM e Bacharel em Artes Visuais pela mesma instituição. É integrante do LABART/UFSM e membro dos grupos de pesquisa Arte e Tecnologia/CNPq e do GPECAE/UFPE. Participa do Coletivo Akangatu e é colaboradora na plataforma Click Museus desde 2020 criando conteúdos para o site.

Museu preferido: Fundação Iberê Camargo (Porto Alegre)

Rodrigo Rangel

Rodrigo Rangel, T.I pelo Senac, é responsável pelo desenvolvimento e manutenção do site do Click Museus. 

Museu Preferido: Pinacoteca de SP (São Paulo)

Sabrina Nunes

Sabrina Nunes é graduanda do curso de Museologia pela Universidade Federal de Ouro Preto – UFOP, e presidente do Centro Acadêmico Professor José Arnaldo Coelho de Aguiar Lima – CAMUL. Também, é bolsista voluntária de extensão desde 2020 no Museu da Farmácia de Ouro Preto, responsável pelo Setor Educativo da Instituição. Se tornou membro do Click Museus em 2020, e atua desenvolvendo matérias sobre Museus e o campo da Museologia. 

Museu preferido: Museu da Língua Portuguesa (São Paulo)

Sâmmya Dias

Sâmmya Dias é graduanda em Museologia na UFMG e estagiária no setor de documentação do Museu Casa Kubitschek. É bolsista voluntária de extensão no Centro de Memória da Odontologia da UFMG e revisora no Museu da Pessoa. É uma das participantes mais antigas do Click Museus e está na mesma área desde o início: desenvolvimento de matérias autorais e divulgando notícias sobre patrimônio e museus no site! Também já colaborou em algumas atividades do Click, sendo a responsável pela proposta “O Museu é a Casa” na 14ª Semana de Museus.

Museu preferido: Museu Van Gogh (Amsterdã)

Pamella Simone

Pamella Simone é estudante de Museologia, mãe da Marta e Maria. Atua na área de documentação de acervos, gestão e no Centro de Referência do Museu Catavento, onde realiza a produção de pesquisas, artigos e no desenvolvimento de conteúdos educativos junto com as demais áreas técnicas. É redatora no site Click Museus, onde desenvolve artigos sobre o campo museal e cultural e atua no audiovisual, na produção de programas para o canal do Youtube. É membra do Coletivo Museologia Kilombola. Sua pesquisa atual envolve as influências africanas no contexto brasileiro em suas diversas manifestações culturais, artísticas e linguísticas.

Museu preferido: Catavento (São Paulo)

Priscila Poltroniere

Priscila Poltroniere é graduanda em Pedagogia pela Universidade Federal de São Paulo-UNIFESP, fotógrafa por paixão e conta com diversas exposições individuais em bibliotecas, museus e centros culturais na cidade de São Paulo. É cofundadora do Projeto Click Museus e atua diretamente no setor de audiovisual, além de design e criação. 

Museu Preferido: Centro Cultural Vergueiro (São Paulo)

Lara mazeto

Read Previous

Casa das Rosas abre exposição “Coestelário”

Read Next

INUMERÁVEIS homenagem ás vitimas da Covid-19

32 Comments

Deixe uma resposta